sábado, 29 de novembro de 2008

Jonas Florestan ossia Fidelio, Opéra National de Paris

Um quarto de século depois de Vickers, sem rival, eis que Kaufmann se assume como o primeiro titular da personagem da ópera de Beethoven:

«Quant au Florestan de Jonas Kaufmann, son aura tragique et lumineuse ferait presque oublier le Fidelio exemplaire que fut le ténor Jon Vickers, dernier tenant du rôle à l'Opéra de Paris en 1982. »

9 comentários:

Raul disse...

Conheço este tenor de um "sample" da Gramophone, onde canta a ária do heróico Eneias d'Os Troianos de Berlioz. É simplesmente extraordinário, colocando-se, para mim, no firmamento dos tenores actuais.
Sem dúvida que o Vickers é o mais sofrido e sublime Florestan e dele tenho duas gravações, uma das quais a de refrência (Klemperer), mas também gosto da maior parte dos "meus" outros Florestans: Rene Maison (duas vezes com a Flagstad, sendo uma dirigida por Bruno Walter), Wolfgang Windgassen (Furtwangler), Ernest Haefliger (Fricsay) e Ben Heppner no Met.

José Carlos Neves Lopes disse...

Para meu gosto, ele supera o Vickers.

José Carlos Neves Lopes disse...

Para meu gosto, ele supera o Vickers.

Anónimo disse...

Olá Raúl.

Sei que o Kaufman vai cantar em breve o Eneias.

J. Ildefonso.

Raul disse...

Onde e quando,por favor, embora eu não corra por um tenor ?

Anónimo disse...

Eu tenho o Kaufman em d.v.d. na Clemencia de Tito de Zurique com a Kassarova e a Mei numa produção muito tradicional e um pouco maçadora mas que resulta num produto final muito atraente. Recomendo.

J. Ildefonso.

Anónimo disse...

Querido Raúl

Não sei quando mas numa entrevista à Ópera Magazine O Kaufman fez referencia que cantaria em breve o Eneias. Sei que vai cantar o D. Carlos em Londres, o Lohengrin em Munique e Bayreuth e o Romeu em Veneza já em Fevereiro do próximo ano.

J. Ildefonso.

Anónimo disse...

E há a Butterfly a sair brevemente com a A. Georghiu.

J. Ildefonso.

J. Ildefonso. disse...

Caro Raúl
O Eneas vai ser no Convent Garden mas quando não consegui descobrir.