sexta-feira, 13 de julho de 2007

Proms'07

O feérico evento tem início hoje, em Londres!
Os puristas, os ortodoxos e os snobs - todos, sem excepção - odeiam os promenaders.

O povo, sábio, regozija!

9 comentários:

Moura Aveirense disse...

Em 2003 tive oportunidade de assistir ao vivo a 2 Proms e adorei! Daniel Baremboim com a West-Eastern Divan Orchestra (a interpretar a "Heróica" de Beethoven e a "Incompleta" de Schubert, entre outras obras) e a oratória "Saul", com Andreas Scholl et al. Experiência inesquecível!... e que tenacidade incrível a dos ingleses, a ouvirem 3 horas de música em pé!

Il Dissoluto Punito disse...

Bom... pelo menos, já sei que a cara leitora não é, nem snob, nem ortodoxa, nem purista ;-)
Not bad!

HVA disse...

Caro João,

Independentemente dos epítetos com que me possam eventualmente brindar, informo que no final da próxima lá estarei, naquilo que será a nossa estreia nos Concertos Promenade.


Saudações,

Heitor

Anónimo disse...

Eu se pudesse também lá estava. Raios! MÚSICA É MÚSICA!

=)))))

Filipe

Il Dissoluto Punito disse...

Hitor,

Quero mais é que os ortodoxos, snobs e puristas se danem! Música é sinónimo de gozo! Faço minhas as palavras do Filipe! Se pudesse, também lá iria ;-)))

Depois, conte como foi!

Moura Aveirense disse...

Sim, ouvir boa música em bom ambiente é um dos prazeres da vida! Digo-vos que assistir a um destes Proms é uma experiência inesquecível!... Lembro-me bem desses fins de tarde de Verão... antes dos concertos os ingleses juntam-se nos relvados circundantes do RAH, petiscam qualquer coisa, bebem vinho branco e brindam à beleza da vida! E admiro mesmo aquele orgulho patriótico "british". Enfim... enquanto não regresso, vou ouvindo pela BBC.

Anónimo disse...

Os frequentadores dos Proms e os que gostavam de ser são também snobs, ao pensarem que são uns iluminados, diferentes da massa burguesa.
Filipe II

Anónimo disse...

Cuidado com o Grande Inquisidor.
Raul

Anónimo disse...

Eles andem aí...andem, andem!

Filipe